Ações administrativas começam mudar perfil de Delmiro/AL agora em 2019


Medidas de contenção de dispensas e busca de meios para garantirem a geração de emprego e renda, têm sido o foco de trabalho do prefeito de Delmiro Gouveia/AL, Padre Eraldo, que a todo custo nesses seus dois primeiros anos de governo, vem levantando a moral da administração pública. Isso porque pegou uma Prefeitura abarrotada de problemas; e como se não bastasse, com sucessivas quedas de repasses do FPM, principal fonte de recursos que entra no município mensalmente.

Pedro Madeiro superintendente do Conisul (centro) reunido na segunda-feira com o secretário de Saúde, André Ramalho, o farmacêutico, Cargilson Lacerda, a coordenadora do Fundo Municipal de Saúde, Rosângela Medeiros e a analista de controle interno, Jerliany Medeiros.  

Na segunda-feira, por exemplo, o gestor credenciou o município num consórcio municipal, a fim de comprar medicamentos com preços mais em conta, entre outras vantagens para aquisição de outros produtos no mercado nacional. Pois o início recente da obra que vai garantir um enorme hospital regional, por meio do Estado; construção de um ginásio de esportes e a reabertura do Polo de Confecções que estava abandonado; além de diversas outras ações de infraestruturas que estão sendo erguidas no município, mostram que as coisas começam a melhorar, mesmo diante da crise econômica do país, que continua intricada por todas as regiões brasileiras.

“Delmiro agora começa a fazer parte do Conisul, que é o Consórcio que hoje agrega 50 municípios alagoanos, cuja finalidade é planejar, adotar e executar ações voltadas para a realização de gestão associada de serviços e compras nas áreas de: Saúde, Iluminação Pública, Licenciamento Ambiental, Gerenciamento de Resíduos Sólidos, Desenvolvimento do Turismo, Piscicultura, Agricultura Familiar; e compras compartilhadas de um modo geral”, comentou o prefeito Padre Eraldo, ressaltando o apoio recebido da Câmara de Vereadores, que concedeu poderes para que tal façanha fosse alcançada.

Sobre o Consórcio, Padre Eraldo disse que a economia para os cofres públicos será grandiosa, cujos recursos que certamente sobrarão da diferença do antigo modelo de compras, serão investidos na melhoria de serviços para a população; sobretudo na Infraestrutura. “Em breve já estaremos recebendo os remédios que irão reabastecer as farmácias das unidades de Saúde delmirense, com um preço bem mais em conta” disse emocionado.