Coral do Veredas é uma das atrações do XX Festival que acontece no Deodoro  


Uma das grandes atrações que se apresentam no último dia do  XX Festival de Coros Internacionais Nordeste Cantat, evento que começou nesta quinta e vai até domingo no Teatro Deodoro, é o coral Vida e Arte, do Hospital Veredas, aqui de Maceió. O festival está homenageando os 100 anos de Jackson do Pandeiro, pois nele estarão reunidos grandes coros nacionais e internacionais, e o Vida e Arte, será uma das nove apresentações programadas para à tarde do domingo.

O “Vida e Arte” surgiu há 22 ano, onde hoje conta com um elenco de 22 coralistas; atuais e ex-colaboradores do Hospital Veredas, regidos pelo maestro Wandeberg Santos. Ele que é licenciado em Música e bacharel em Canto Coral pela Universidade Federal de Alagoas. “Durante todo este período, o grupo dedica-se, sem cessar, para levar, por meio da música, mensagem de otimismo, paz e alegria aos seus ouvintes” confessa o presidente do Hospital,  Dr. Edgar Antunes Neto, tido com um dos grandes apreciadores do Vida e Arte. “É um orgulho para nós ter o nome do Hospital tão bem representado e levando cultura e arte à população, num evento tão grandioso”, destaca o presidente.

“Queremos externar a nossa gratidão a todos que nos apoiam incondicionalmente neste projeto, sobretudo a diretoria executiva do Hospital Veredas, que, com carinho imenso, vem nos apoiando neste momento tão sublime e impar da família Vida e Arte”, destaca o  maestro, Wandeberg Santos. O Festival vai se estender por quatro dias, ou seja, desta quinta até o domingo, ao preço de R$ 20,00 (inteira) e 10,00 (meia).

Da Trajetória

O coro Vida e Arte já soma uma boa experiência ao longo existência. Além de ser presença registrada nos principais eventos da Instituição, o mais recente foi durante a inauguração do Hospital Veredas. Seus integrantes cantam em casamentos, batizados, datas comemorativas. O grupo já gravou dois Cds. Além desta participação no XX Cantat, o Vida e Arte já representou a unidade hospitalar no IX Arte Coros, em 2014, executou o Concerto Natalino com peças sacras do repertório erudito, fez a abertura do Encontro Nacional sobre a Saúde da Mulher nos Tempo de Hoje, em 2018.