“Plano Brasil Sem Miséria” será duplicado em Igaci para atender homem do campo


A Prefeitura de Igaci está anunciando que mais 51 famílias de pequenos agricultores do município vão ser beneficiadas, com recursos de fundo perdido, por meio de um programa social assegurado pelo governo brasileiro. É o “Plano Brasil Sem Miséria” que recentemente credenciou 50 pequenos agricultores da região, onde todos adquiriram R$ 3.000.00 (três mil reais) para investimento no campo, com meta para gerar emprego e renda dentro da economia local. A ação faz parte de uma mobilização conjunta entre a secretaria de Agricultura do município e a Emater/AL.
“Os recursos não serão distribuídos aleatoriamente; pois existe um procedimento técnico elaborado pela Emater/AL e a acompanhado pela nossa Secretaria, que garante uma linhagem de trabalho a ser adotada. No caso: o dinheiro é para ser investido na criação de animais, a exemplo de galinhas, ovinos e caprinos” exemplificou o secretário da pasta, André Medeiros, bastante otimista, já que mais de 150 mil reais estão prestes a ser injetados na economia de Igaci, sobretudo agora, com a ampliação do número de participantes de famílias de pequenos agricultores dentro do programa, que deverá já acontecer no próximo mês.
O prefeito Oliveiro Piancó afirma que as chuvas que caíram ao logo de junho e julho deste ano, ao que parece, deram uma nova vida agora ao homem do campo que reside em Igaci. “São pessoas que amarguraram por mais de quatro anos o sofrimento de uma estiagem sem precedência; cujo fenômeno natural não se via há cerca de um século em Alagoas. Mas, graças a Deus, a água agora chegou em grande escala. E nós na condição de prefeito estamos viabilizando todos os recursos necessários, numa parceria com os governos estadual e federal, que tem garantindo tratores com implementos agrícolas, semente, orientações técnicas e até a viabilização de recursos financeiros”, disse Piancó.
Na foto aparecem o secretário André Medeiros, o secretário de Estado da Agricultura, Álvaro Vasconcelos e o prefeito Oliveiro Piancó em recente reunião em Maceió tratando de parceria de trabalho