Banco do Nordeste investe R$ 287 milhões em Alagoas no período da pandemia


O Banco do Nordeste investiu em Alagoas, no período de 16 de março a 29 de maio deste ano, R$ 287 milhões, correspondentes a 48.280 operações, beneficiando todos os setores da economia e empresas de todos os portes do Estado.

Em termos de valores, as operações não rurais lideram as aplicações em Alagoas, com total superior a R$ 232 milhões, para mais de 45 mil operações, enquanto os financiamentos rurais somam cerca de 6 mil operações, equivalentes a R$ 54 milhões.

Entre as ações trabalhadas pelo Banco, com o objetivo de minimizar os impactos da pandemia de Covid-19 na economia da Região, está o lançamento da linha de crédito FNE Emergencial,  que dispõe  de recursos para capital de giro e investimento, com taxa fixa de 0,21% ao mês.

O empresário Moacyr Acioli, sócio responsável pelas operações do laboratório de patologia clínica Nabuco Lopes, empresa alagoana com mais de 20 unidades em Alagoas, Pernambuco e São Paulo, está entre os clientes que contaram com o crédito do FNE Emergencial. “Tivemos muitas mudanças com uma intensidade e velocidade jamais vistas nesses 27 anos que atuamos no mercado. Crescemos consideravelmente nossa presença nos meios digitais, reforçamos os cuidados e segurança da nossa equipe para garantir a segurança necessária para o paciente, facilitamos o atendimento por meio de coleta em domicilio e drive thru, entre outras iniciativas de adaptação a esse novo cenário. O crédito do BNB e o relacionamento que temos com a instituição nos deram muita segurança para seguirmos em frente, além de permitirem a manutenção dos empregos”, frisa, demonstrando o quanto este fôlego financeiro tem sido importante para superar os desafios atuais.

No âmbito do Crediamigo do Banco do Nordeste, maior programa de microcrédito urbano produtivo e orientado da América do Sul, Alagoas registrou no período mais de 41 mil operações, somando valores de R$ 100 milhões.

Na Região

Em toda área de atuação do Banco, que abrange os nove estados do Nordeste, norte de Minas Gerais e do Espírito Santo, o BNB realizou,  de 16 de março a 29 de maio, mais de 1 milhão de novas contratações, equivalentes a mais de R$ 7,8 bilhões investidos na Região. Destes, R$ 4,6 bilhões foram direcionados a mutuários de micro e pequeno porte, pulverizados em mais de 1 milhão operações.

Os maiores valores contemplaram operações não rurais, com R$ 6,3 bilhões distribuídos em 917,4 mil contratações. As operações rurais somaram R$ 1,5 bilhão, correspondentes a 107,4 mil contratações.Do montante contratado, o Crediamigo alcançou 890,2 mil operações, no valor de R$ 2,1 bilhões.